Quando o assunto é recebimento de notas fiscais, dois aspectos são fundamentais: agilidade e informação precisa. Nesse sentido, a funcionalidade de Monitoramento de NF-es Recebidas se torna grande aliada para a otimização dos processos operacionais.

Ao ser habilitado, o monitoramento vai identificar diretamente do ambiente da SEFAZ nacional todas as notas emitidas contra o CNPJ de sua empresa. Com isso você vai poder levar as notas encontradas para a tela de NF-es de terceiros e, caso queira, incorporar essa nota ao estoque. Apresentações feitas, então mãos a obra.

Cabe ressaltar que o monitoramento de NF-es só funciona com o certificado digital A1.

Ativar o monitoramento é bem simples, basta você ir em Usuário > Sem monitoramento de NF-es (Habilitar).

Neste momento, você será redirecionado para a tela do Monitoramento de Notas Fiscais. Na tela aparecerá um alerta, basta clicar no botão verde Habilitar, como na próxima imagem:

Vale ressaltar que na primeira ativação as notas podem demorar um pouco a serem identificadas devido a ser justamente a primeira ativação da funcionalidade. As notas ficam disponíveis no monitoramento durante três meses. Além disso, o padrão do filtro aplicado pelo sistema é de uma semana, caso queira estender o prazo, é só ajustar a data no filtro, ou mesmo apagá-lo.

Ainda no filtro, você pode pesquisar suas notas pela chave de acesso pelo emissor da nota, como pode ser visto na imagem acima.

Agora que o monitoramento está ativado, para acessá-lo basta ir em Estoque > Monitoramento de NF-es Recebidas:

Por fim, caso queira levar essas notas fiscais para a tela de NF-es de Terceiros, para posteriormente adicioná-las ao seu estoque, basta clicar na setinha ao lado de “Confirmar Operação” e selecionar a opção “Importar para NF-es de Terceiros”.

Para saber mais sobre as opções de ciência da operação “Confirmar Operação”, “Desconhecer Operação” e “Operação não realizada”, clique aqui.

Agora você não vai precisar ficar se preocupando em pedir os xml's das suas notas aos seus fornecedores para incorporá-las ao seu sistema!

Encontrou sua resposta?