Essa rejeição ocorre sem que uma NF-e for emitida com a Inscrição Estadual do destinatário (IE) inválida.

O erro pode estar associados ao tamanho do código da IE que deve ser entre 2 e 14 caracteres numéricos, posicionamento errado de alguns números, ou o dígito verificador incorreto.

Como Resolver?

Deve-se verificar se Inscrição Estadual informada no cadastro do seu cliente no menu CRM do sistema está de acordo com o cadastro no SINTEGRA.

Para consultar uma Inscrição Estadual (IE) no SINTEGRA, siga os passos:

1 - Acesse o site do SINTEGRA:

2 - No Mapa do Brasil exibido, clique sobre o Estado (UF) onde a IE está cadastrada, ou na lista de Estados à direita:

3 - Será exibido uma página para consulta usando a CCE (IE), CNPJ ou CPF.

  • Clique em Consultar.

4 - Em seguida, será exibida as informações do cadastro.

Para consultar uma Inscrição Estadual ou CNPJ no Cadastro Centralizado de Contribuinte (CCC), siga os passos:

1 - Acesse o site da Sefaz do Rio Grande do Sul, no endereço:

2 - Selecione a UF onde encontra-se cadastrado o CNPJ do Contribuinte ou Inscrição Estadual e preencha os campos de pesquisa com a informação correspondente, além disso, selecione o Ambiente de Processamento, Produção ou Homologação.

  • Clique em Pesquisar.

3 - Será exibido o resultado abaixo, onde é possível verificar se a empresa encontra-se habilitada para emissão e o vínculo entre CNPJ e IE.

Por fim, faça a alteração da inscrição estadual no cadastro do destinatário, no CRM, e transmita a NF-e novamente.

Encontrou sua resposta?