Certamente você já deve ter lido ou ouvido falar do termo conciliação bancária. Pode até ser que a sua empresa nunca tenha lançado mão desse recurso, mas com certeza o seu contador sabe exatamente o que é isso. Uma conciliação bancária é simplesmente a conferência das contas bancárias com o controle financeiro interno.

A ideia por trás desse procedimento é verificar se internamente as contas estão de acordo com os dados externos. É uma oportunidade para conferir se existe ou não algum tipo de divergência, possibilitando checar e até mesmo corrigir dados incorretos, caso necessário.

Para começar a usar a conciliação bancária, primeiro é preciso migrar o seu plano de contas.

Como migrar o Plano de Contas

Se você ainda não tem a conciliação bancária habilitada, será necessário primeiro configurar seu plano de contas. E se for preciso, migrar os tipos de contas a pagar e tipos de receitas para o plano de contas.

Para migrar para o plano de contas, acesse o menu Financeiro > Plano de contas, onde terá a opção de habilitar a funcionalidade. Depois é preciso escolher qual conta do plano de contas se refere o tipo de conta a pagar ou tipo de receita, e depois clicar em "Salvar".

Depois disso, basta importar o seu extrato bancário e começar a fazer a conciliação bancária. Para isso, vamos listar alguns passos:

1) Criar automaticamente lançamentos frequentes do extrato bancário no sistema tarifas bancárias, etc).

Clique aqui para saber como fazer.

2) Importar o extrato bancário

Acesse o menu Financeiro > Extratos bancários e clique no botão verde "Importar". Você será direcionado para uma tela onde deve selecionar a conta corrente correspondente a esse extrato, e ao lado terá a opção de selecionar o arquivo do extrato. Feito isso, clique em "Salvar".


Na tela de extratos bancários terá a listagem de extratos, onde você pode visualizar todos os extratos importados, acessar todas as linhas importadas, as linhas conciliadas ou não conciliadas.

3) Conciliando linhas do extrato bancário

Para acessar as linhas não conciliadas do extrato, clique em visualizar linhas. Nesse menu você pode marcar no filtro para aparecerem somente as linhas não conciliadas.

Feito isso, basta clicar em buscar lançamentos e selecionar a cobrança que você vai fazer a conciliação.

4) Como conciliar uma linha do extrato bancário que não tem lançamentos equivalentes no sistema.

Se ao tentar conciliar uma linha, realmente não exista aquele lançamento no sistema, clique em "Nova conta a pagar" ou "Nova conta a receber", de acordo com o tipo de movimentação e cadastre ele no sistema.

Você poderá preencher: plano de contas, fornecedor/cliente, forma de pagamento, descrição (vem preenchido com a descrição do extrato, porém pode ser alterado) e observações. Depois de preenchido, clique em salvar, e logo em seguida esse lançamento aparecerá nas sugestões para você selecionar para conciliar.

5) Como transferir o valor de uma linha do extrato para outra conta

Clique aqui para saber como fazer.

6) Visualizando linhas conciliadas na conciliação bancária

Caso deseje ver as linhas conciliadas do seu extrato, acesse o menu Financeiro> Extratos bancários e clique em "Visualizar linhas". No filtro basta marcar a opção "Somente linhas conciliadas".

Você também poderá clicar em "Visualizar conciliação" para verificar com qual cobrança o extrato foi conciliado. E caso seja necessário desfazer a conciliação, clique em "Desconciliar". O sistema perguntará se deseja realmente fazer isso, e caso clique em "OK", ele voltará essa linha para linhas não conciliadas. Assim, o status desse(s) lançamento(s) deixará de ser “Conciliado” e voltará para “Lançado”.

OBS: um extrato só pode ser excluído se todas as linhas estiverem desconciliadas.

Pronto! Agora seu extrato bancário está conciliado com as suas contas a receber e a pagar do nosso sistema. 😁



Você também pode conferir passo a passo sobre a funcionalidade de extratos bancários no vídeo abaixo.

🎥 VÍDEO: Extratos bancários

Encontrou sua resposta?